Make your own free website on Tripod.com
 

CLASSIFICAÇÃO GERAL DAS FIBRAS TÊXTEIS
 

O agrupamento e a diferenciação de todas as fibras têxteis , em função de suas diversas origens e formas de obtenção, sofre variadas interpretações, segundo o autor ou o investigador da matéria, mas a que vamos utilizar , é a mais utilizada em todo o mundo. Podemos enquadrar as fibras existentes no mercado em dois grupos: Naturais e Químicas.

Naturais - São aquelas encontradas na natureza, e que podem pertencer a um dos três reinos abaixo :

a) Vegetal - linho, algodão, ramí, hemp, juta, coco, etc...
b) Animal - lãs, pelos, sedas, etc...
c) Mineral - amianto

Químicas - Fabricadas pelo homem ( man made fibers ). Elas podem ser artificiais e sintéticas.

a) ArtificiaisObtidas de polímeros naturais derivados de celulose, remontam a 1880 pela iniciativa do Conde de Chardonnet, que as criou com o objetivo de imitar as fibras naturais.As fibras químicas artificiais podem ser obtidas a partir da celulose regenerada ( man made natural polymer regenerated cellulose fibre ), ou celulose modificada como é o caso do acetato e o triacetato. Exemplos : Regeneradas : viscose, lyocell, modal, etc... Modificadas : acetato, triacetato.

b) Sintéticas - Obtidas de polímeros sintéticos derivados de petróleo e carvão. Sua aparição foi em torno de 1930 graças aos trabalhos de pesquisa do químico W. Carothers. A otimização destes trabalhos conduziram à síntese
industrial do “nylon 66”, a partir de 1935.

MICROFIBRA

A partir da década de 60, o homem começou a pesquisar uma forma de tornar as fibras químicas fabricadas mais finas, pois até então o filamento produzido era muito espesso, o que tornava o tecido fabricado com este filamento, resistente, mas sem caimento e áspero. Estas pesquisas foram pressionadas por um público que surgiu, sob o signo do avanço tecnológico. Havia a necessidade de se fabricar tecidos que não amassassem com facilidade, dispensassem a passagem, mas que, ao mesmo tempo, tivessem o toque macio dos tecidos confeccionados com as fibras naturais. O avanço dessas pesquisas levaram à criação, pelos japoneses, a partir de 1970, da microfibra ou microfilamento, que é um filamento que pode chegar a uma espessura de até 60 vezes mais fino que um fio de cabelo.
 
 

Para saber mais, leia:

  

Livro "Fibras, Filamentos e Fios" de Jorge Palma     CD ilustrativo de livro com 260 imagens

Preço: $ 50,00 Livro e CD

Pedidos:

CONFECÇÃO ESCOLA JORGE PALMA

 

Rua Vinte de Abril 08 Sl 01 Esquina com Rua Frei Caneca - Centro

  20231- 020 - Rio de Janeiro - Rio de Janeiro

    FONES: (21) 22422224  87736382

 

       jorgepalma@jorgepalma.com.br

escolamoda@jorgepalma.com.br

    jorgepalma@veloxmail.com.br